Entrada ---ee--- Projectos ---ee--- Pegada Ecológica ---ee--- Custódia da Natureza ---ee--- Apoiar ---ee--- Contacto
O que é a Custódia da Natureza? PDF Imprimir
Índice de artigos
O que é a Custódia da Natureza?
O objectivo das Custódias da Natureza
Acordos para a conservação
Uma estratégia complementar
Conseguir acordos para a conservação é o principal objectivo das entidades de Custódia quando visitam proprietários cujos terrenos têm um interesse natural ou cultural especial. Assim, as custódias da natureza materializam-se em contratos escritos, que implicam compromissos e mecanismos de colaboração entre as partes.

Os proprietários que acedam a realizar estes acordos de custódia fazem-no sempre de forma voluntária, sem que nada lhes seja imposto ou obrigue. Por sua vez, as entidades de custódia também decidem envolver-se num acordo por decisão própria.

Chegar a um acordo para estabelecer uma colaboração continuada no tempo não é fácil. Por isso, tanto os proprietários como as entidades têm que possuir motivação e vontade suficiente para ir superando as dificuldades que surjam durante a negociação e a execução do acordo. A confiança entre as partes também é essencial, pelo que o diálogo a todo tempo é o melhor aliado para que tudo chegue a bom porto.

Uma vez alcançado o acordo, começa a verdadeira custódia da natureza, com a aplicação do modelo de gestão acordado entre proprietário e a Entidade de Custódia. Este modelo denomina-se “co-participativo” já que intervêm, de uma maneira ou de outra, as duas partes. As acções que se vão executando, e o grau de implicação do proprietário e entidade em cada uma delas, vêm previstos nos pontos do acordo. As partes estabelecem um contacto continuado, que assegura o bom desenvolvimento do acordo, mantendo um diálogo fluido sobre a conservação dos valores. Aliás, a Entidade de Custódia compromete-se a efectuar um acompanhamento anual para garantir o cumprimento dos pontos do acordo, avaliando a sua evolução. O acompanhamento é uma forma de a entidade mostrar os bons resultados alcançados aos seus sócios, patrocinadores e sociedade em geral.